[Resenha Nacional] Cabra Cega





"Clara e Gustavo se conhecem em um clube de Curitiba quando ela estava pensando em viajar, antes de começar a faculdade, e então se apaixonam e casam. Assim, a vida de Clara muda rapidamente. A mudança é radical, pois Gustavo se revela um homem agressivo, ciumento, possessivo, violento, ardiloso e perspicaz, com isso transformando a vida dela numa constante surpresa e esconde-esconde. Não somente de comportamentos, como também de cidades. Com o intuito de não criar laços com ninguém e, principalmente, de não deixar que a família de Clara saiba onde ela está, você vai acompanhar Cabra Cega sem ter a certeza de até quando aquela cidade fará parte dos planos de Gustavo. Em Cabra Cega acompanhamos os escondidos."

Livro: Cabra Cega
Autora: Sheila Ribeiro
Editora: Clube dos Autores
Páginas: 94




Quando a obsessão sobrepõe o amor, talvez, aquele sentimento antigo, não tenha sido amor. Quem sabe paixão?


Sinceramente, eu tenho um grande apego por autores nacionais, seja por serem de nossa terra, seja pelo talento, ou mais ainda, pela determinação e coragem de publicar seu livro, em um lugar onde a própria escrita nacional, não é tão valorizada. Já é um ponto alto, para qualquer livro, por esse motivo. 

Sheila, tráz em seu primeiro livro, um romance conturbado, que envolve obsessão e  violência doméstica a qual que mesmo em uma trama fictícia, relata fatos mais reais e comuns, do que possamos pensar.  Onde Clara, passa mal bocados na mão de seu doentio marido, que acabou se transformando de amável e carinhoso namorado, em um psicótico controlador.  Onde se vê presa em seu próprio casamento, e após a mudança, longe de sua família. 

Mesmo sendo um livro, você tem em mente, que Clara é um retrato da triste realidade, onde muitas mulheres, sofrem violência doméstica, daqueles que eram para amar e cuidar, na saúde e na doença, mas, os que na verdade, muitas das vezes as levam a morte. 

O livro conta a história de Clara, uma Curitibana, que pensou ter encontrado o amor de sua vida, seu verdadeiro príncipe. O que acabou vendo, que não era, e o quão infernal sua vida de casada se tornou. Viu que o bom moço pelo qual havia se encantado, não estava mais ali, pior, que nunca havia existido. E que aquele, o antigo namorado, poderia ter sido, o verdadeiro bom moço,  e era na verdade. 

Mas será que era tarde para fugir? Seria Clara capaz de fugir das garras de Gustavo? E Marcos, conseguiria salvar sua amada? 

Adorei o livro, o único ponto fraco foi a quantidade de páginas, porque gente, essa trama é muito boa, e deveria ser continuada, e penso comigo, que seria uma ideia maravilhosa uma continuação, eu e qualquer outro leitor, que tenha lido Cabra Cega, sem dúvidas nenhuma gostaria de saber mais da vida de Clara e Marcos! 

Preciso dizer que é super recomendado? 
Image and video hosting by TinyPic
POSTAGENSNOVAS POSTAGENSANTIGAS Página inicial

2 comentários:

  1. Ahhhhhhh que delícia de resenha, amei, amei e amei! Sim, sim, muitos leitores me pedem a continuação, confesso que preciso amadurecer essa ideia, quem sabe, né?! Escrevi esse livro aos 18 anos e hoje aos 38 também acho que eu poderia ter trabalhado mais nele... rsrsrs ;) Com a experiência que eu tenho hoje de vida e com as informações mais elaboradas sobre o assunto diante da divulgação maciça que faço de Cabra Cega realmente hoje eu tenho um material mais rico... quem sabe não terá continuação, quem sabe um dia não reescrevo... quem sabe? Mas agora a hora é do meu novo livro: contos sobre compulsões. :) Fico feliz que tenha curtido o meu trabalho e que recomende a leitura. Vou divulgar sua resenha, viu?!
    Beijo, beijooooooo
    She

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, fico feliz que tenha gostado lindona!
      Estou torcendo para que você escreva a continuação hahaha
      E espero ansiosamente o lançamento de seu novo livro! Que ele seja ainda melhor que Cabra Cega :)

      Beijo,Beijo

      Excluir

Olá, deixe sua opinião, o B&T ficaria muito feliz em saber o que você acha sobre os assuntos aqui postados! ♥

Comentários ofensivos, com palavrões ou calúnias serão deletados sem aviso prévio.

Grata.