[Resenha] The Proposition (The Proposition #1)



Com seu trigésimo aniversário se aproximando, o relógio biológico de Emma Harrison está correndo e seu cavaleiro de armadura brilhante ainda não apareceu. Ela está ficando sem opções, principalmente depois que seu melhor amigo desiste de ajuda-la. Naturalmente, há sempre a possibilidade de recorrer ao banco de esperma, mas Emma teme que um doador desconhecido possa engravidá-la com a desova de Satanás. Mulherengo convicto, Aidan Fitzgerald sempre consegue o que quer, especialmente no quarto. Quando Emma rejeita seus avanços, ele fica determinado a tê-la, não importa a que preço. Depois que Aidan descobre a situação de Emma, ele faz uma proposta que irá beneficiar a ambos. Apesar de relutar, Emma não resiste a seu charme, juntamente com seu intenso desejo pela maternidade, e acaba aceitando. Será que este plano tem chance de dar certo?


Série: The Proposition
Autora: Katie Ashley 
Editora:Katie Ashley Productions  
Lançamento: 2012 
Páginas: 316 
ISBN: 1480114480
Inglês: Easy 




... I don't wanna be anything other than me ♪


Sabe quado você acabada recebendo várias dicas de leitura,escuta e lê diversos elogios, e acaba ficando receosa sobre a leitura? 
Não tal, por ser uma publicação independente, ou gênero, ou até mesmo pela autora. Mas por mim mesmo, tenho o péssimo defeito de criar expectativas sobre tudo, e dai quando acabo lendo, e o livro não corresponde a todo o fervor citado, acabo ficando desapontada. Isso me leva a levantar uma grande parede a livros assim. Mas, eu sou bem teimosa, fazer o que.

Mas ainda bem que minha teimosia, levou-me a ler The Proposition, com uma escrita leve, rápida, simples e muito romântica, Katie me prendeu do início ao fim, e me fez soltar uns "Oohs" e "Aahs" de tão meigo, e doce que é este livro. 


The Proposition, tem um toque tão leve e romântico que nos faz imaginar que, como de fundo, as músicas de Gavin Degraw, seriam um ótimo background, cada uma não sei se apenas ao meu ver, reflete um pouco as fases do casal protagonista. 
Era como se nas decisões Against all Odds, estivesse ecoando pelos nosso ouvidos, ou quando Emma brigasse com seu relógio biológico, e Gavin estivesse cantando All things are relatives

Percebem a ligação? Ou apenas eu remeti isso ao livro? 

Sendo só eu ou não, foi uma ótima combinação!

Bem, agora vamos a este enredo intenso, essa trama romântica, e irresistível, que você deve ler. Mas um aviso, o fim é é tocante, então já leia The Proposition, com The Proposal já pronto, para te recuperar do sufoco causado pelo anterior. 

Emma, tem um sonho, um desejo, ser mãe, porém com seu trigésimo aniversário chegando seu relógio biológico parece estar gritando em sua mente... Corre enquanto á tempo, arranje um bofe, realmente, pela descrição da moça, é isso. O que sim, é bem psicótico, neurótica ela, não? 
Mas em meio ao desespero de encontrar seu cavaleiro de armadura brilhante, e a escassez do mesmo no mercado (sim gente, porque olha), se vê encurralada. Ainda mais após seu melhor amigo gay, desistir de "ajudá-la".

Mas nem tudo são espinhos(?) 

Mesmo temendo, que tenha de recorrer á um doador desconhecido, e este possivelmente a engravide com a desova de Satanás, sim gente, com essas palavras. NEURÓTICA. 

Ela acabada tendo uma grande surpresa, quando ao meio de uma discussão, seu chefe Aidan Fitzgerald, o grande Aidan, o mulherengo, sedutor e impertinente Senhor Fitzgerald, vem ao seu consolo. E sabendo de seu drama, a propõe um acordo.

E BINGO!

O livro começa a mostrar suas garras!

Sua proposta, promete beneficiar a ambos, Aidan teria o filho que ele pretende ter, Emma realizaria seu sonho. Mas apenas, isso, sem amarraras, sem relações, apenas uma doação certo? 

Errado!

Aidan costuma conseguir tudo que quer, principalmente no quarto, e vendo uma ótima oportunidade de ter a mesma Emma que ele desejava desde a festa de ano novo, aquela de vestido verde. Estipula uma regra.
Teriam de conceber o filho, da maneira convencional. Ai, o "bicho pega".

Iniciando uma trama muito doce, e leve, que ao mesmo tempo é tensa e uma montanha- russa de emoções, Ashley soube dosar muito bem, seja os personagens, a trama e a premissa do livro. 
A qual nem todos conseguimos driblar aquele sentimento, que fica escondido por trás de certas atitudes. E quão bem ele pode fazer. 

Se você gosta de um bom romance, é super recomendado! Um dos casais mais amáveis que tive o prazer de "conhecer". Mas tenha The Proposal no gatilho, se você não querer ter um ataque de abstinência grave de Emma+ Aidan. 

“Yeah, that's right. You're stuck with me now, and I don't have a nice rack for you to snuggle up to.” 

I didn't care what other people
said
I just wanted you near me... ♪ 

Boa Leitura :)





Image and video hosting by TinyPic
POSTAGENSNOVAS POSTAGENSANTIGAS Página inicial